30 DE JULHO DE 2017

tem no peito
a delicadeza
de uma flor
exalando essência
no tom
contemplativo
tem no peito
o ser
em dobro
reverberando força
transbordando beleza
em tempos nada gentis
sorte
de quem o tem
na delicadeza
da flor
no tom
do ser
na força
da beleza
na gentileza
a sorte
de ter
seu mundo inteiro

(autoria própria)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *